Bahia estuda projeto de trem entre Salvador e Feira de Santana

A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedur) da Bahia e o Ministério dos Transportes estão em fase de estudos para avaliar a viabilidade de um projeto de trem ligando as cidades de Salvador e Feira de Santana. A iniciativa é proposta pela CCR, empresa responsável pelo Sistema Metroviário de Salvador e de Lauro de Freitas (SMSL).

Segundo a secretária Jusmari Oliveira, em entrevista ao portal A Tarde, o grupo de estudos foi formado em conjunto com o Ministério dos Transportes, que criou a Secretaria Nacional de Transportes Ferroviários. O objetivo é analisar uma Manifestação de Interesse Público (MIP) da CCR e produzir um estudo de viabilidade em até oito meses.

“Estamos estudando ele [projeto] e aquiescendo uma Manifestação de Interesse Público da CCR. Nós esperamos, dentro de seis a oito meses, termos um estudo de viabilidade comprovada e ver essa busca de recursos”, afirmou a secretária.

A previsão é que o modal beneficie cerca de 4 milhões de pessoas, incluindo residentes de Salvador, Feira de Santana e outras cidades ao longo do percurso, como Simões Filho, Candeias e Santo Amaro.

O projeto estima um investimento total de R$ 2,6 bilhões, com um custo operacional de R$ 280 milhões anuais. Para viabilizar a construção e operação do sistema, está sendo considerada uma parceria público-privada (PPP) com duração prevista de 30 anos.

1 comentário em “Bahia estuda projeto de trem entre Salvador e Feira de Santana”

  1. A IDEIA É PERFEITA. PASSOU DA HORA DOS NOSSOS GOVERNATES BOTAR O PROJETO EM PRÁTICA. LIGAR DOIS PÓLOS DE EMPREGOS COM MOBILIDADE EFICIENTE.
    O BIP DA BAHIA IRÁ AO TÓPO.

    Responder

Deixe um comentário