Governo da Bahia discute aspectos operacionais de acesso de novo terminal de ônibus na capital

206
governo da bahia
Publicidade

Finalizadas as obras civis do novo Terminal de Integração de Ônibus de Salvador, a Companhia de Transportes do Estado da Bahia (CTB), responsável pelo empreendimento, se reuniu com a Prefeitura de Salvador, com o objetivo de alinhar aspectos operacionais de acesso dos ônibus urbanos ao Terminal. Por isso, a presidente da CTB, Ana Cláudia Nascimento, acompanhada pelo diretor de obras da empresa, Eracy Lafuente, da Superintendente de Mobilidade da Secretaria de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Sedur), Grace Gomes, e uma vasta equipe técnica apresentaram o terminal ao secretário municipal de Mobilidade, Fabrizzio Muller, e para a Transalvador, na sexta-feira (20/10).

“Estamos prontos para entrar em operação e entregar à população um dos melhores terminais da América Latina. Nosso próximo passo é acelerar as questões burocráticas e inaugurar a obra”, explicou Ana Cláudia Nascimento.

Durante a visita, Eracy Lafuente mostrou o equipamento, que possui mais de 12 mil metros quadrados e 30 baias para ônibus. Segundo ele, o terminal passa pelo momento de checagem final. “Essa fase é quando verificamos todos os pontos e atestamos segurança e qualidade. Essa foi uma obra de grande magnitude. Aqui, nós ressignificamos o modelo de um terminal de ônibus, ele é inovador e moderno. Oferece conforto térmico, visual e de luminosidade aos seus usuários, além de segurança”, explicou Lafuente.

Para Fabrizzio, o Terminal está muito bem planejado, tanto a parte de arquitetura, operacional e logística de operação.

“Nós dialogamos bastante ao longo desse período de implantação, planejamento e execução da obra para que pudéssemos ter um terminal que atendesse as necessidades de conforto ao usuário. O próximo passo é colocar os ônibus em operação e fazer os remanejamentos das linhas que vão atender o novo complexo intermodal na região de Águas Claras”, destacou Fabrizzio Muller.

Estação de Metrô Águas Claras

Ainda durante a vistoria, o grupo realizou viagem de metrô entre as Estações Águas Claras/Cajazeiras e Campinas, trecho que integra o Tramo III do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas, reforçado em novos 5 quilômetros de trilhos.

O grupo esteve também no Terminal de Ônibus de Campinas, com obras avançadas e mais de 60% delas executadas. O espaço está sendo preparado para receber 10 linhas de ônibus urbanos. Equipado ainda com salas administrativas, de motoristas e guaritas.

“A mobilidade vive uma revolução. O terminal de Campinas é mais uma prova dessas mudanças. Estamos pensando no conforto dos usuários do transporte público. Além disso, também chegamos com melhorias para a comunidade, a exemplo de readequações de vias de acesso ao terminal, como é o caso das Ruas da Bolívia e Arthur Orrico”, explicou Ana Cláudia.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui