Paralisação de rodoviários afeta transporte coletivo em Salvador

1949
Foto: Divulgação/Semob
Publicidade

Rodoviários do transporte coletivo de Salvador iniciaram uma paralisação nesta quinta-feira (4/5) para reivindicar questões de campanha salarial.

A capital baiana está sem parte da frota de ônibus e os trabalhadores afirmam que os patrões têm negado itens da pauta elaboradas pelos rodoviários, que incluem reajuste salarial, aumento no tíquete alimentação, compensação das horas extras e permanência dos cobradores.

A paralisação afeta principalmente o miolo da cidade e o subúrbio, onde muitos trabalhadores e estudantes dependem do transporte coletivo.

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana disponibilizou veículos do sistema complementar para dar apoio à operação emergencial.

O representante das concessionárias afirma que mais de 40% das cláusulas já foram acordadas, mas questões econômicas ainda estão pendentes.

Caso as reivindicações não sejam negociadas, outras ações da categoria não estão descartadas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui