Bahia pode comprar os trens do VLT de Cuiabá

389
Foto: Divulgação
Publicidade

O governo da Bahia negocia com o governo do Mato Grosso, a compra dos trens do extinto VLT de Cuiabá.

São cerca de 40 trens fabricados pela CAF, para circular no sistema que ligaria Cuiabá até Várzea Grande.

O VLT de Cuiabá era para ter ficado pronto na Copa do Mundo de 2014, no Brasil, no entanto, dos 22 quilômetros de extensão previstos, somente 7 foram feitos e já estão sendo desmontados para dar lugar ao sistema de ônibus BRT.

As negociações da venda dos trens são lideradas pelo Tribunal de Contas da União (TCU), em parceria com as Cortes de contas dos dois estados e as respectivas Casas Civis.

Na última sexta-feira, 25 de agosto, o TCU montou um grupo de trabalho com 11 representantes para iniciar as transações.

“Nós iniciamos essa negociação de uma possível compra de todo material rodante do VLT do Mato Grosso, porque temos interesse em construir o nosso modal aqui. E com o TCU no papel do Estado brasileiro, ajudando a solucionar tanto o problema lá em Mato Grosso, quanto aqui”, disse o secretário chefe da Casa Civil do Estado da Bahia, Afonso Florence ao jornal Gazeta Digital.

Ainda não há detalhes de qual projeto essa frota será usada.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui