Falta de energia suspende funcionamento do Metrô de Salvador

270
Trem CCR
Foto: Divulgação/CCR Metrô Bahia
Publicidade

Em função da interrupção no fornecimento de energia em Salvador, o funcionamento do Metrô de Salvador foi suspenso na manhã e tarde desta terça-feira, 15 de agosto.

Segundo a concessionária CCR Metrô Bahia, os acessos às estações foram fechados até o reestabelecimento da energia elétrica.

Leia abaixo a nota da concessionária enviada ao Grupo PLN:

“A CCR Metrô Bahia informa que, por conta da interrupção no fornecimento de energia na capital baiana na manhã desta terça-feira (15), as operações do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas estão temporariamente suspensas. Todos os clientes que estavam nas Estações foram orientados a evacuar as plataformas no momento da ocorrência, assim como os que estavam dentro dos vagões, que foram encaminhados com segurança para as plataformas mais próximas. Os acessos às estações seguem fechados até o reestabelecimento da energia elétrica.”

Passageiros caminharam pelos trilhos entre as estações Acesso Norte e Detran:

A estação Aeroporto ficou sem energia:

Apagão nacional

Uma ocorrência na rede de operação do Sistema Interligado Nacional afetou estados do Norte, Nordeste e Sudeste do Brasil.

Leia abaixo a nota do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) enviada ao Grupo PLN:

“O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) confirma que hoje, dia 15 de agosto, às 8h31, houve uma ocorrência no Sistema Interligado Nacional (SIN) que provocou a separação elétrica das regiões Norte e Nordeste das regiões Sul e Sudeste/Centro-Oeste, com abertura das interligações entre essas regiões. Houve pelo menos a perda de 18.900 MW de energia. A interrupção no Sul e no Sudeste foi uma ação controlada para evitar propagação da ocorrência.

O Operador, assim que identificou a situação, iniciou ação conjunta com os agentes para restabelecer a energia nas regiões. A normalização das cargas da região Sul foi concluída às 9h05 e nas regiões Sudeste/Centro-Oeste, às 9h33. O SIN foi 100% recomposto às 14h49.

As causas da ocorrência ainda estão sendo apuradas.”

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui