Nova linha do BRT entrará em operação a partir de sábado

190
Publicidade

O BRT Salvador vai ampliar ainda mais sua área de atendimento. A partir de sábado (30/09), entrará em funcionamento uma nova linha, a B3, que fará o trajeto entre a região da Rodoviária e a orla da Pituba, passando pelo Caminho das Árvores e pela Avenida Paulo VI.

A nova linha fará, em média, mais de 140 viagens diariamente, operando como linha circular. Ao todo, 22 veículos farão o trajeto. A B3 irá ampliar o serviço oferecido à população, que já pode chegar da Rodoviária à orla da Pituba, porém atualmente pela Avenida ACM por meio da linha B2.

O secretário de mobilidade, Fabrizzio Müller, destaca o ganho para os passageiros com o avanço do BRT. “Essa nova linha vem para facilitar ainda mais o deslocamento da população com mais oferta de viagens para quem quer chegar a essas regiões”, pontuou.

A B3 sairá da Estação Rodoviária do BRT, na região do Shopping da Bahia, onde o modal se conecta com o metrô e com as linhas de ônibus de Salvador e metropolitanas. De lá, passará pelo início da Avenida Tancredo Neves e entrará para o Caminho das Árvores por meio da Alameda das Espatódeas, seguindo pelo bairro através da Rua do Jaracatiá.

A nova linha também beneficiará usuários da Pituba, onde percorrerá na faixa exclusiva para ônibus da Avenida Paulo VI e depois a Rua Bahia, rumo à Avenida Manoel Dias da Silva, na orla do bairro. Daí, seguirá o trajeto que hoje já é amplamente conhecido pelos usuários: Rua Pernambuco e baia exclusiva do BRT, na Avenida ACM, em direção novamente à Rodoviária.

Percurso

Ao longo de parte do trajeto, o modal seguirá em trânsito misto, permitindo aos usuários descerem nos pontos em que já estão acostumados. Serão nove paradas até a chegada à orla, como, por exemplo, na esquina com a Rua Prof. Milton Cayres de Brito, próximo ao jornal A Tarde; no Colégio Militar; na Rua Bahia, próximo à Praça Marconi; e em frente ao Teatro Jorge Amado, entre outros.

“Esta nova linha passará por um dos locais mais movimentados da região central, melhorando o deslocamento das pessoas que utilizam o transporte público no Caminho das Árvores e Paulo VI. Com isso, ele não precisará mais esperar por vários minutos pelo seu ônibus, uma vez que com o BRT ele terá um atendimento muito mais rápido, podendo completar sua viagem através da integração”, concluiu o secretário.

Com a integração através do Salvador Card, o passageiro pode utilizar até três modais diferentes pagando apenas uma única tarifa de transporte, um diferencial da capital baiana para as demais. O usuário pode, por exemplo, combinar o metrô com o BRT para agilizar o seu deslocamento diário. O embarque fora das estações do BRT segue apenas com pagamento através do cartão de integração, não sendo aceito o pagamento em espécie.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui